O mundo clama delicadeza
Orar, não fazer hora
Distração é uma serpente

Orar, não por mística
Mito
Hábito
Estupidez

E sim para pré-amar no peito
Nossa humanidade

Mesmo antes de se ter amigo irmão amante
Orar é a pedra de toque
Dos sem igreja
Dos sem terra
Dos sem teto
Dos sem deus

É arte de tecnologia bruta:
Basta unir as mãos até formar uma chama
& levá-las contra o peito & incendiar-se

Nesse momento é preferível o silêncio
& a delicadeza — sempre a delicadeza —
Que é meu modo de superar a minha fé